Saturday, November 15, 2008

HOJE, BLOGAGEM POLÍTICA PELA LIBERDADE NA REDE


21 comments:

Marco said...

Mais uma do "desinformado" Senador[sic]:
Projeto do Senado proíbe meia-entrada nos finais de semana e feriados.

Advinha quem teve essa maravilhosa idéia?

Daniel Duende said...

Olá Sérgio. Tem um pessoal bacana que queria entrevistar você a respeito do uso do TOR como ferramenta para liberdade na rede. Entre em contato comigo pelo meu email daniel.carvalho@gmail.com

Abraços do Verde.

Marco said...

Prof. Paulo Ghiraldelli Jr. explica o que está errado com a lei Azeredo

Ynot Nosirrah said...

Protesto apoiado e vou repassar em meu blog. Não vamos deixar esse cara transformar isso aqui na China. O que um ser de meia idade como ele entende de informática?

Penachi said...

Será que eles vão 'emplacar' mais essa... fico preocupado, pois os números da petição não crescem... o senado já canetou essa aberração... e muita gente diz que não vê problema no PL... #MEDA!

Luciano said...

Dada a influência que tem os bancos sobre nossos políticos, acredito que a lei passe no congresso. Me resta apenas a esperança de que alguém com o devido trânsito convença o Presidente da República a vetá-la, pelo menos parcialmente.

legendas@legendas.tv said...

Sérgio, eu gostaria de saber como foi a audiência pública da qual você participou em Brasília.
Nós do Legendas.tv apoiamos a sua petição e certamente nossos usuários foram a maioria dos mais de 100 mil assinantes da petição porque, por isso acho importante também levar à discussão este tema da legendagem...
Obrigado!

samadeu said...

legendas@legendas.tv
Um relato da audiência pública foi publicado no portal do software livre a partir do blog do João Cassino:

http://portal.softwarelivre.org/news/12284

Conseguimos mostrar os absurdos do projeto de Lei. Agora é necessário aumentar a pressão. Seria importante que as pessoas enviassem e-mails aos deputados de seu Estado.

Antonio said...

Vou dar um jeito de colocar um link do Sewrgio Amadeu em todos os meus blogs.Este Senador em guestão para quem não sabe já foi funcionário da IBM.bom isto não é muito revelante.O que me preocupa é que eles estão doidos para tomar conta da internet.Pelo amor de Deus.Sem liberdade a vida não tem sentido.Vender religião nas TVS a cabo e aberta pode.Ficar uivando em todas radios AM e FM pode mais ter liberdade de falar a verdade não pode.

samadeu said...

Para legendas@legendas.tv:

Me enviaram dois vídeos com a cobertura da audiência pública. São longos. Minha apresentação está no final.

http://video.google.com/videoplay?docid=7432623562478685874

e este aqui também:

http://blip.tv/file/1464928

João Sérgio said...

Ja mandei umas 20 mensagens para os deputados desde julho.

divulgue o link http://moourl.com/fale, onde é possível mandar mensagens aos deputados, inclusive com as opções "todos do meu estado"(a primeira)e "Todos"(a última)

C said...

Oi, Sergio.

Gostaria de conversar com você sobre um vídeo a respeito das discussão ao redor da aprovação da Lei dos Cibercrimes.

Você gostaria de participar com um depoimento?

(Obrigado.)

Andréa said...

Sérgio, tem mais imagens do flashmob em atentos.wordpress.com. Tem um video também com sua entrevista que ainda vou subir.
Abs

Antonio said...

Com a desculpa de combater e pedofilia na Internet,o que eles querem mesmo é a censura.Coisa mais triste,a coisa que mais temos de valor é a liberdade e até isso eles querem tirar.Pena que não posso falar tudo.pois os homens são senador e coisa e tal.PS.no meu blog já coloquei um link do Amadeu

Antonio said...

Benditos são os defessores da liberdade...

Anonymous said...

Nao adianta mandar mensagens para deputados e senadores, com certeza nao foram nós que colocamos eles no senado!

Infelizmente o Brasil é vergonhoso.

Anonymous said...

A gente tinha mais é de fazer um grande grupo pelo Brasil e marcar um dia para reunir no Planalto Central e fazer um protesto bem maior do que aquele feito exigindo que o Collor seje expulso...

Acho que só assim os políticos de lá poderão ouvir a voz do povo...

Anonymous said...

"A gente tinha mais é de fazer um grande grupo pelo Brasil e marcar um dia para reunir no Planalto Central e fazer um protesto bem maior do que aquele feito exigindo que o Collor seje expulso...

Acho que só assim os políticos de lá poderão ouvir a voz do povo..."


Isto é impossivel porque a Rede Blobo nao vai quer isto, ela quer acabar com a internet que tira audiencia do seus programas previsiveis.

Lina Garrido said...

Olha só... Tem gente que está defendendo.
E o Josias comprou a idéia: http://josiasdesouza.folha.blog.uol.com.br/arch2008-11-23_2008-11-29.html#2008_11-24_19_42_55-10045644-0

Anonymous said...

olá boa noite Sérgio. Sempre acompanho o blog e gostaria de saber algumas coisas em relação a essa lei absurda, burlesca pra falar a verdade que o senador Azeredo insiste em aprovar. Sempre verifico o site da câmara para obter alguma novidade, pesquiso muito pela internete e me parece que a lei sobre pedofilia e cybercrimes já foi aprovada,lá no site da Câmara não consta todos os artigos e tudo mais, então gostaria de saber, se os artigos sobre vigilância, sobre a transferência de arquivos via torrent foi aprovada junto, "ganhamos" esse maravilhoso brinde também ou não? E se caso já foi aprovada gostaria de saber se já entrou em rigor, se sim ou não? Eu,e mais uma centena de pessoas vamos ser tratados como indivíduos de alta "periculosidade" mesmo não sendo. Só gostaria de saber sobre isso, e como está o andamento, agradeço a atenção do senhor e desde já muito obrigado por nos defender nessa luta, fique com Deus e boa sorte!

samadeu said...

Gostaria de esclarecer que até hoje, dia 11 de dezembro, a lei de crimes na internet, do senador Azeredo, ainda não foi votado.
Nossa mobilização ajudou a paralisar o projeto e reabriu o debate na Câmara dos deputados. O que foi votado recentemente foi a lei contra a pedofilia (que se trata de outra lei).
Continuamos tentando retirar da proposta da lei de crimes na Internet, os artigos 285-A, 285-B, 163 e 22.
Vamos continuar alertas.